Logotipo Cine Theatro Brasil Magenta
Search
Close this search box.

Marcio Toledo celebra 60 anos de Música

Show – Música | Livre | 120min.
27 de agosto de 2023

Clique aqui e compre seu ingresso!

Marcio Toledo é Músico multi-instrumentista, Cantor e Compositor. Nasceu em 13 de outubro de 1949 em Itapecerica, Cidade do Centro-Oeste de Minas, mas mudou-se com sua família para Belo Horizonte ainda com seis meses de vida. No bairro Parque Riachuelo cresceu e passou toda sua juventude. Desde criança tinha gosto em assistir e ouvir as pessoas tocando violão. Muito jovem ainda, por falta de recursos e sem acesso a instrumentos, se contentava em contemplar os saraus e rodas de música.

Aos 14 anos, com um violão emprestado e com a ajuda de amigos, iniciou seu primeiro contato com o instrumento. Naquela época, em meados dos anos 60, não havia oferta de cursos formais, tampouco as famosas revistinhas de música, restando a ele seguir os estudos de forma autodidata. A teoria musical só chegaria num curso preparatório para a prova da Ordem dos Músicos do Brasil.

Somente aos 19 anos, com seu primeiro emprego de ascensorista, conseguiu comprar seu primeiro violão.

No início dos anos 70 participou de um conjunto chamado Impactus, que se apresentava na Igreja do Carmo, na Colônia Italiana e no DCE da PUC-MG. Muito influenciados pela Jovem Guarda e pela onda ‘beatlemaníaca’, o Grupo tinha formação e sonoridades características da época.

Com a expressa evolução musical e domínio do instrumento, Marcio se aventurou no campo das composições, surgindo daí o interesse em participar de Festivais de Música tão populares naquele tempo. Destaque para o Festival da Canção de Boa Esperança, onde ficou entre os dez primeiros colocados em todas as vezes que participou.

Com suas composições cada vez mais arrojadas e envolvidas por belíssimas melodias, foi garimpando prêmios em Festivais. Com as canções Jangadeiro, São João da Panelinha e Missa Campal, conquistou o 1° lugar dos festivais da música de Santa Luzia (1973), Congonhas (1974) e Carmópolis (1975). Também faturou prêmios de melhor intérprete e arranjos. Àquela época, num encontro com Marcus Viana no MinasCentro, recebeu fartos elogios do violinista e maestro pela canção Missa Campal.

No fim dos anos 70 interrompeu seu caminho profissional na música devido às necessidades familiares e econômicas. Primogênito de 12 irmãos, casado e com filhos, a música seguiu apenas como um sério hobby. Em seis décadas, Marcio colecionou muitos parceiros na música. Na família, seus irmãos sempre contribuíram com valiosos coros em uníssonos, transformando em lindos corais. No Parque Riachuelo, destaque para os amigos David – seu grande parceiro letrista -, Luis Carlos Oliveira, Lelo Toledo (seu falecido irmão), PC Cordeiro, Zé Lucas, Jorge Sá Onça, entre outros.

Por ironia do destino, seu grande parceiro familiar acabaria por surgir dentro de seu próprio lar; seu filho, Marcelo Toledo, que, incentivado na música desde os oito anos, se tornou exímio violonista, guitarrista, sideman, um ínsito operário da música.

Cantador, contador de histórias e de boas piadas, Marcio se aprimorou ao longo dos anos, sempre animando as festas e saraus de amigos e familiares, tocando violão, cavaquinho, ukulele e viola caipira.

Hoje, aos 74 anos, além de estar aprendendo sanfona, ainda promove saraus musicais entre os amigos, filhos e netos e vive intensamente a música.

O Show

“Marcio Toledo: 60 anos de música” foi idealizado e concebido por Marcelo Toledo e Luiz Ricardo, Produtor e amigo da família, em uma das frequentes rodas de música na casa de Toledo. Os amigos conversavam que era chegada a hora de eternizar aquele e vários outros acontecimentos memoráveis, em uma apresentação musical narrando a história dos 60 anos de música de Marcio Toledo.

O show, que contará com captação de áudio e vídeo, teve o Teatro de Câmara do Cine Teatro Brasil, edifício histórico e tombado como bem cultural, escolhido para acolher o espetáculo.

No repertório, músicas do cancioneiro brasileiro, da MPB, submergindo do regional, com sambas e modas caipiras. No segundo ato, uma imersão pelas belas canções internacionais, entregando a presença e atitude de Marcio Toledo, como um autêntico crooner.

Com Produção Executiva de Luiz Ricardo Gugz, Direção Musical de Marcelo Toledo, o show terá duração de 2 horas e contará com músicos de peso compondo a banda.

datas e horários

VALOR INGRESSOS

ENTRADA
MEIA ENTRADA

Bilheteria: Av. Amazonas, 315 – Centro.
Funcionamento: Seg – Sáb: 12:00 – 21:00 e Dom e feriados: 15:00 – 20:00.
Horário especial nos feriados.
Telefone: (31) 3201.5211 ou (31) 3243.1964

Loja Eventim – Shopping 5ª Avenida (sujeito a taxa de conveniência)
Rua Alagoas, 1314
Loja 20C– Savassi
BR – 30130-160 – Belo Horizonte

Crianças até 02 anos:
Crianças até 02 anos completos possuem gratuidade e permanecem no colo dos pais e/ou responsáveis legais.
A partir de 02 anos e 1 dia, a criança paga meia-entrada mediante apresentação da carteira de identidade ou certidão de nascimento

Meia-entrada:
A Partir de 1/12, de acordo com decreto n° 8.537 de 5 de outubro de 2015, só serão vendidos ingressos de “meia entrada de estudantes”, para aqueles que tiverem as CIEs ( Carteiras de Estudantes ) com os seguintes requisitos:
– Nome completo e data de nascimento do estudante
– Grau de escolaridade
– Foto do estudante
– Nome da instituição de ensino ao qual o estudante está matriculado
– Data de validade até o dia 31 de março do ano subsequente ao de sua expedição
– Certificação digital observando o disposto no inciso 2º do Art 1º da lei nº 12.933 de 2013
. O decreto n° 8.537, não permite que os estabelecimentos aceitem boletos ou carteirinhas de cursos, como comprovantes para a compra da meia entrada.

outros eventos que você possa gostar

plugins premium WordPress

INSCREVA-SE PARA RECEBER ATUALIZAÇÕES DO CINE